Inventando Anna: o que é verdade e o que é ficção?

Inventando Anna: o que é verdade e o que é ficção?
12 meses atrás

Inventando Anna é a história de uma Empreendedora audaciosa ou somente uma golpista?

Conta-se a história de Anna Delvey, que convenceu a elite de Nova York, fingindo ser herdeira alemã.

Da criadora de “Grey’s Anatomy”, Shonda Rhimes, “Inventando Anna” é mais uma série original da Netflix.

Acompanha a jornalista Vivian (Anna Chlumsky), que anda investigando a vida da misteriosa e charmosa Anna Delvey (Julia Garner), jovem que vem ganhando cada vez mais destaque em tabloides de fofoca.

A jornalista Vivian Kent, e a atriz que encenou seu papel

Aparentemente, a socialite aproveita uma vida de luxo como herdeira milionária alemã, quando na verdade, Anna utiliza isso como fachada para dar incontáveis golpes em jovens ricos e em bancos.

Após conseguir um empréstimo de 40 milhões de dólares para abrir uma casa noturna, seus golpes são expostos e Anna acaba sendo processada e presa. Sendo abordada por Vivian, finalmente conta a história de como se tornou uma das maiores figuras da elite burguesa em Nova Iorque, mesmo sendo de origem pobre.

História real

atriz da série Inventando Anna, e a própria Anna da vida real

“Esta história é inteiramente verídica, exceto por partes inteiramente inventadas.”

É assim que começa cada episódio da séria tão aguardada, sobre a vigarista Anna Delvey, conhecida também como Anna Sorokin. A jovem de 22 anos enganou bancos e amigos ao envolver centenas de milhares de dólares se passando por uma rica herdeira no circuito de vida noturna em Nova York.

Sua história ficou popular na internet em 2018, quando a nova contratada da Netflix, produtora Shonda Rhimes, buscava um novo projeto. Grande força criativa por trás de séries como Scandal e Grey’s Anatomy, Rhimes se interessou pelo caso e a Netflix assinou, com a falsa herdeira em prisão preventiva, um acordo de direitos no valor de US$ 320 mil.

Quão próximas estão a realidade e a ficção?

A história é contada pela perspectiva da jornalista Vivian Kent (Anna Chlumsky). A personagem é inspirada em Jessica Pressler, quando era redatora da revista New York Magazine. Foi ela quem escreveu o primeiro relato em detalhes sobre as façanhas da aspirante a socialite.

Vivian frequentemente visita Anna na prisão, assim como na vida real, e se torna obcecada por sua história, tomando conta de sua vida.

A personagem Vivian tem um passado jornalístico conturbado e se desespera para encontrar uma história de sucesso, mesmo que Jessica seja uma jornalista conhecida.

Outra de suas histórias foi convertida ao filme de Hollywood “As Golpistas”, estrelado por Jennifer Lopez.

Personagens

Rachel

Rachel, a personagem e a pessoa que inspirou a personagem

Quando o escândalo ascendeu, Rachel Williams era a personagem mais distinta da trama, além de Anna. Era editora de fotos da revista Vanity Fair quando se tornaram amigas e assim começaram a andar juntas pela cidade.

Rachel recebeu uma fatura de US$ 62 mil por uma viagem exótica de seis noites em Marrocos.

No julgamento, contou que sempre sentiu que Anna cobriria todos os gastos, alegando sofrer de ansiedade e estresse com a dívida inesperada.

Rachel é retratada como egocêntrica e superficial. A verdadeira contou sua versão da história no livro “My Friend Anna (Minha Amiga Anna)”, que a HBO está adaptando para a TV.

Não contribuiu com a versão da Netflix e acusou a empresa de “relações públicas para uma golpista”.

Kacy

Kacy a amiga personal trainer de Inventando Anna, a primeira foto é a atriz e a segunda foto é real Kacy

A verdadeira Kacy foi uma fonte anônima na história original, que se distanciou de holofotes públicos quando o caso bombou nas redes sociais. Personal trainer para clientes ricos, ela trabalhou com diversas estrelas de Hollywood, como Dakota Johnson e Bruce Willis. Anna a contratou por US$ 300 por sessão.

Kacy alegou que teve de lidar com o incômodo de ter Anna sentada no corredor de seu apartamento, quando não tinha para onde ir e sua situação começou a despencar. Em “Inventando Anna”, é interpretada por Laverne Cox (conhecida por atuar em “Orange is the New Black”).

Kacy parece ter se encantado pela atriz. Disse em seu Instagram: “Sou gêmea orgulhosa. Obrigada, Rainha!”.

Todd

Tod: ator e a inspiração

Advogado de Anna, Todd Spodek usou, durante o julgamento, a estratégia de defesa “fingir ao máximo”, e com isso recebeu muita atenção. Abriu e encerrou sua defesa com a letra de “New York, New York”, de Frank Sinatra, insistindo que sua cliente tentava apenas se dar bem na cidade grande.

Tudo indica que ele defendeu Anna devido à notoriedade do caso e agora é conhecido pela mídia como o “advogado da falsa herdeira”. O apelido foi usado recentemente quando Spodek foi envolvido em outro caso grande de Nova York, representando jurado no julgamento de Ghislaine Maxwell (ex-companheira do financista Jeffrey Epstein, que foi condenado por tráfico sexual infantil).

“Não havia atenção da mídia quando Anna se tornou minha cliente. Isso veio depois. No entanto, sempre que uma ‘herdeira alemã’ vem consultar com você, você sabe que virão coisas boas.”

Todd é interpretado por Arian Moayed (conhecido por Stewy na série da HBO Succession).

Neff

Neff, amiga e a atriz que encenou o papel da amiga na série Inventando Anna

Neffatari Davis foi a zeladora que fez amizade com Anna durante sua permanência no 11 Howard Hotel, onde acumulou enormes dívidas. A dupla aparentemente reacendeu sua amizade após Anna ser libertada da prisão em 2021, e Neff promoveu a série com postagens nostálgicas no Instagram.

“Embora eu não concorde com tudo que você fez nessa vida, nunca poderia virar as costas e me esquecer de você.”

Anna

Anna Sorokin, cidadã alemã nascida na Rússia, é interpretada por Julia Garner, que capta sua maneira de falar e sotaque incomum. Foi condenada por diversas acusações associadas a roubo em 2019 e recebeu pena de 4 a 12 anos de prisão. Cumpriu quase 4 anos (2 em prisão preventiva) da sentença inicial e foi libertada em fevereiro de 2021.

Começou então a aparecer na TV e contratou um cinegrafista, planejando fazer sua própria série de televisão. No entanto, semanas depois (após postar várias mensagens sobre como “mandava” em Nova York), foi presa novamente por ultrapassar a validade do seu visto.

Hoje permanece na prisão, aguardando pelo resultado de um recurso contra sua deportação. Todd Spodek não a representa nos processos de imigração, mas diz não acreditar que ela possua base legal para permanecer nos Estados Unidos.

Onde assistir Inventando Ana

blue tv serviço de iptv de qualidade

Assista aos seus filmes, séries, documentários e séries favoritas aqui.

Assine a melhor TV digital e abra um mundo de possibilidades na sua TV!

CONHEÇA TAMBÉM: